Polícia Militar apreende armas e drogas na Operação Litoral

Até este domingo foram realizadas 236 barreiras para fiscalização da Lei Seca

0
451
Operação iniciou quinta-feira passada

A Polícia Militar de Santa Catarina está realizando desde quinta-feira, 17, a Operação Litoral. Foram utilizados 1998 policiais dos pelotões táticos dos 1º, 3º, 5º, 6º, 8º, 11º, CAEPM, CPMA e CPMR. Além disso, foram utilizadas 611 viaturas e 118 motos, em barreiras nas rodovias estaduais e centros urbanos de municípios do Litoral Catarinense.

Até este domingo (20) foram realizadas 236 barreiras para fiscalização da Lei Seca, nas quais foram abordadas mais de 5 mil pessoas em 4995 veículos, sendo que 215 foram removidos por problemas na documentação.

Entre essas pessoas abordadas em barreiras da Lei Seca, foram realizados 203 testes de alcoolemia, sendo aplicados 19 Autos de Infração por embriaguez, 18 autos foram por recusa em submeter-se a quaisquer exames de alcoolemia. Ao todo, foram recolhidas 45 CNH’s.

Além disso, a PMSC realizou batidas em 254 bares e estabelecimentos comerciais, onde 1579 pessoas foram abordadas e sete destas foram presas. Vinte e dois estabelecimentos estavam sem alvará, 12 com alvará vencido e 13 estavam desrespeitando o horário de funcionamento do alvará.

Drogras – A PMSC apreendeu 566 gramas de maconha, 124 gramas de cocaína, 52 gramas de crack e 35 comprimidos de Ecstasy.

Armas – Foram apreendidas 4 armas brancas na Operação Litoral, 5 armas de fogo, além de 63 munições. Entre as armas de fogo, foi apreendido por policiais do 4º BPM, um fuzil AR 15. Esse é um Fuzil de guerra, de fabricação norte americana, de extrema letalidade e grande poder de fogo, que estava na posse de faccionados em Florianópolis para ser usado contra as forças de segurança pública e provocar terror nas comunidades.
Ao todo, foram presas um total de 16 pessoas.

Esses números são referentes a apuração das 18h da noite de quinta-feira, 17, quando iniciou a operação, até às 6:45h da manhã deste domingo, 20.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome