UPA Continente atende mais de 10 mil pessoas em dois meses de funcionamento

Dos mais de 10 mil atendimentos, 72% dos pacientes foram de Florianópolis e 28% de outros municípios

0
202

Inaugurada no dia 28 de fevereiro, a UPA Continente já é referência para a região continental de Florianópolis em urgência e emergência. Nestes dois primeiros meses de funcionamento já atendeu 10.775 mil pessoas.

Uma das pacientes foi a dona Maria Osvaldina Cardoso, 90 anos, moradora do bairro Itaguaçu, que utilizou o serviço da UPA Continente na tarde desta terça-feira (30) pela primeira vez e conta bem humorada que o atendimento foi excelente. “Eu cai e precisei ficar em observação até minha pressão normalizar. Agora já estou indo para casa com meu filho”.

O morador de Coqueiros, Daniel Freitas, também se deslocou até a UPA Continente nesta terça-feira (30) para buscar uma cópia do seu prontuário de atendimento. “Já precisei buscar atendimento aqui duas vezes. A primeira por causa de uma forte dor na cabeça e a segunda, foi semana passada, quando tive uma crise convulsiva”, relata. Ele conta que antes da inauguração da UPA Continente precisava se deslocar para a UPA SUL ou para o Hospital Florianópolis. “É muito mais prático e rápido ser atendido aqui”, finaliza.
Dos mais de 10 mil atendimentos, 72% dos pacientes foram de Florianópolis e 28% de outros municípios. Destes atendimentos apenas 18% foram considerados urgentes, 2% muito urgentes. Os demais atendimentos foram considerados leves, sem gravidade.

O secretário municipal da Saúde, Carlos Alberto Justo da Silva avalia positivamente os primeiros meses de atendimento. “Estamos acompanhando e fazendo avaliações semanais de como se dá o atendimento na UPA Continente”. A média de atendimento da UPA é de 5.600 atendimentos médicos mensais. Funciona 24h com 5 médicos diariamente para casos de urgência e emergência. Ela é gerida por uma Organização Social, a Organização Hospital Psiquiátrica Espírita Mahatma Gandhi.