100 estudantes da prefeitura de Florianópolis participam de coral

Os ensaios ocorrem nas terças e quintas-feiras no contraturno escolar

0
60

Os estudantes da Escola Básica Municipal de Florianópolis Herondina Medeiros Zeferino, em Ingleses, têm a chance de participar de uma atividade animada no projeto Jornada em Tempo integral. Em parceria com a Guarda Municipal da Capital, a unidade implantou o “Coral de Vozes do Arvoredo”.

Coordenados pelo regente Ramon Pereira da Silva, o grupo de 100 estudantes, formados por crianças e adolescentes, entre 7 e 14 anos, é elogiado por suas apresentações e vozes.

O projeto ocorre no contraturno escolar, no auditório do estabelecimento de ensino. Os ensaios são realizados nas terças e quintas-feiras, pela manhã das 10h15 às 11h45 e à tarde, das 13h15 às 14h45.

Para Ramon, “trabalhar com a música, principalmente em grupos, proporciona às crianças disciplina, organização e respeito pelo próximo. A vivência musical torna-se algo divertido e agradável para os participantes, onde elas aprendem a se comunicar melhor, através de diferentes habilidades, estimulando a coordenação motora e a criatividade, abrindo portas para novas informações”.

Audições

Para entrar no coral é feito um breve teste de afinação e percepção musical, onde é definido o naipe que o estudante irá participar. Sopranos são as vozes mais agudas e contraltos as mais graves.

Por meio do teste, é feito uma triagem a fim de analisar se o educando tem condições de acompanhar o grupo que fica de um ano para o outro. Nos ensaios as vozes são lapidadas para que o conjunto fique agradável de ouvir.

Atualmente a maioria das músicas é dividas em duas vozes. O grupo já cantou música a três vozes Soprano, Mezzo Soprano (voz intermediária entre o soprano e o contralto) e Contralto.