Sete construções são demolidas em nova operação contra invasões irregulares em Florianópolis

Operação que envolveu SMDU e FLORAM ocorreu nesta quinta-feira (7), nos bairros Pantanal e Costeira do Pirajubaé. Obras estavam sendo levantadas ilegalmente em Área de Preservação Permanente

1
88

Na manhã desta quinta-feira (7), a Prefeitura de Florianópolis por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Planejamento e Desenvolvimento Urbano (SMDU) e da Fundação Municipal do Meio Ambiente (FLORAM) realizou uma operação nos altos do morro do bairro Pantanal. Foram demolidos seis construções irregulares e barracos de madeira que estavam sendo construídos em Área de Preservação Permanente (APP), dentro da Unidade de Conservação do Parque Natural do Maciço da Costeira.

Além disso, no local também foram demolidos piquetes e estacas que já estavam sendo usados para demarcações de lotes que poderiam ser utilizados futuramente para dar início a novas construções clandestinas. Além de construir irregularmente, as estruturas já estavam sendo planejada com as saídas de canos e tubulações de esgoto voltadas para o meio ambiente, em córregos e nascentes dentro do Parque Natural. Os responsáveis pela obra não estavam no local e não foram identificados.

Também nesta quinta, Floram e SMDU atuaram na demolição de uma obra irregular na Costeira do Pirajubaé. A casa estava sendo levantada em um aterro sobre o mangue, em Área de Preservação Permanente. A estrutura de madeira já estava bem avançada, com a porta e as janelas instaladas. Por não ter projeto arquitetônico adequado, a estrutura apresentava inclusive uma pequena curvatura, possivelmente efeito da força do vento. As duas ações ocorreram com o apoio da Polícia Militar de Santa Catarina.

A Floram e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Planejamento e Desenvolvimento Urbano (SMDU) ressaltam que contam com o apoio da população para denunciar casos de ocupações em áreas irregulares e crimes ambientais. O telefone para denúncias na SMDU é o (48) 3251-4902, ou (48) 3251-4951. Para denúncias ambientais relacionadas à FLORAM, basta ligar no (48) 3251-6535.

1 comentário

  1. Quero ver mesmo eles demolindo as casas dos magnatas la na lagoa da conceição, a lei tem que ser cumprida para todos, vcs não concordão? No matadeiro tem uma casa em cima do Costão, que pertence ao deputado Matos. E assim vai né, Iguatemi foi feito no mangue. Fora muitas outras. Não so contra em realmente se fazer fiscalização, mas vamos mexer tbm com aqueles que passam por cima da lei né, porque pimenta nos olhos do pobre é refresco. Vamos mexer com os magnatas para ver aonde vai dá.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome