Mentoria de Habeas Corpus em Florianópolis no próximo sábado (15)

Os advogados Guillherme Silva Araujo e Carlos Ribeiro são destaques na área criminal em Santa Catarina. No dia 15 de fevereiro eles ministram a mentoria Habeas Corpus em Florianópolis

0
42
Carlos Ribeiro e Guilherme Silva Araujo

Os advogados criminalistas Guilherme Silva Araujo e Carlos Augusto Ribeiro, que têm atuado em casos de grande repercussão em Santa Catarina, comandam no dia 15 de fevereiro, na capital, a segunda turma de mentoria em Habeas Corpus com 6h de duração.

A primeira turma da mentoria ocorreu no ano passado, também em Florianópolis e abordou desde o ponto de vista estético da petição inicial de habeas corpus, entrega de memoriais e despachos em gabinetes até temas mais complexos como o trancamento do inquérito policial em processo penal através do Habeas Corpus . “Para essa segunda turma, além destes pontos citados, a mentoria estará atualizada devido a aprovação do Pacote Anticrime, o qual trouxe significativas mudanças no âmbito das cautelares, necessitando de atualização profissional também em relação ao remédio heróico”, comenta Guilherme. O evento será no hotel Majestic, a partir das 9h. Mais informações e inscrições: mentoriasantacatarina@gmail.com

Sobre os mentores:

O advogado criminalista Carlos Ribeiro é especialista em Ciências Criminais (CESUSC) e em Direito e Processo Penal (ABDCONST), Procurador da Associação  dos Advogados Criminalistas de Santa Catarina, membro efetivo do Instituto dos Advogados de Santa Catarina e Vice-Presidente da Comissão de Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil – Santa Catarina. Carlos se destacou rapidamente por sua qualidade técnica e visão estratégica, tendo já atuado nas mais complexas causas criminais em todos os graus de jurisdição, o que lhe rendeu diversos convites para palestras e cursos sobre a prática da advocacia criminal.

Já Guilherme Silva Araujo é Especialista em Processo Civil (UNISUL), em Ciências Criminais (CESUSC) e mestrando em Direito (UNESC). Guilherme, que atualmente é Presidente da Comissão de Assuntos Prisionais da Ordem dos Advogados do Brasil – Santa Catarina, membro efetivo do Instituto dos Advogados de Santa Catarina e também professor em cursos de Graduação e Pós-graduação, se destacando em causas criminais de grande repercussão pela combatividade e técnica jurídica, sendo presença frequente em palestras e congressos jurídicos.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome