HU recebe novos profissionais para combate à Covid-19

No processo de integração, a equipe, selecionada em processo emergencial recebeu orientações sobre capacitações realizadas no hospital.

0
190
Profissionais recebem orientação no processo de integração aos quadros do HU-UFSC

O Hospital Professor Polydoro Ernani de São Thiago (HU-UFSC) já integrou, neste mês, 35 novos profissionais, que foram convocados dentro do processo seletivo emergencial realizado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) para atender às
necessidades de pessoal da instituição na linha de frente de combate à Covid-19.

Logo no início de junho, foram integrados 27 profissionais, sendo 14 técnicos de enfermagem, além de fisioterapeuta, médicos e enfermeiros. Na semana seguinte, foram mais sete contratados (dois técnicos de enfermagem, dois enfermeiros, dois médicos e um
fisioterapeuta). Novas convocações já estão previstas, dentro um total de 92 vagas que foram liberadas pela Ebserh para o HU, sendo que 60 já passaram pela integração.

A superintendente do hospital, Maria de Lourdes Rovaris, que recebeu a equipe, explicou que as contratações são para abertura de leitos de UTI e clínicos e como suporte à Emergência, conforme previsto no Plano de Contingência para combate à Covid.

A apresentação da superintendente do hospital contemplou informações sobre a Ebserh, sobre o hospital e foi apresentado o Plano de Contingência simplificado, com ênfase nas pactuações com o gestor estadual.

A integração foi realizada no auditório do HU, com portas e janelas abertas, respeitando o distanciamento entre os participantes e com todos de máscara.

A equipe foi orientada também sobre as capacitações que estão sendo realizadas no HU para cuidado ao paciente com suspeita ou confirmado de Covid-19. Estas capacitações são realizadas na sala multiuso do Bloco Didático da Medicina ou no local de trabalho, de acordo com uma programação que foi divulgada pela Gerência de Ensino e Pesquisa
(GEP). O número de participantes de cada capacitação é limitado para evitar aglomeração e garantir o distanciamento recomendado pelas autoridades sanitárias.

A contratação de pessoal, em caráter temporário e urgente, foi coordenada pela Ebserh em todo o Brasil.

Atuação da Rede Ebserh

Desde os primeiros anúncios sobre o Covid-19, a Rede Ebserh tem trabalhado em parceria direta com os ministérios da Saúde e da Educação, com participação nos Centros de Operações de Emergência (COE) desses órgãos, e tendo como diretrizes o monitoramento da situação no país e em suas 40 unidades hospitalares. Também tem atuado na realização de treinamento de funcionários da Rede, promoção de webaulas, definição de fluxos e instituição de câmaras técnicas de discussões com especialistas.

Desde março de 2016, o HU-UFSC faz parte da Rede Ebserh. Vinculada ao Ministério da Educação, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) atua na gestão de hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único
de Saúde – SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

Criada em dezembro de 2011, a empresa administra atualmente 40 hospitais e é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.