Instituto de Cardiologia ganha nova unidade coronariana com oito leitos de UTI

A unidade ainda recebeu dois novos ventiladores pulmonares adquiridos pelo governo estadual junto à WEG

0
421

Oito novos leitos de UTI já estão em pleno funcionamento no Instituto de Cardiologia de Santa Catarina (ICSC), em São José, na Grande Florianópolis. A unidade ainda recebeu dois novos ventiladores pulmonares adquiridos pelo governo estadual junto à WEG.

De acordo com o diretor do Instituto de Cardiologia, Tiago Meister Pinto, a ativação da nova unidade aumenta significativamente a capacidade de atendimento oferecida à população catarinense. “É uma demanda antiga do ICSC que a atual gestão está atendendo e que representa um acréscimo de 35% no número de leitos de UTI na instituição”, completou. “Além de reforçar nossa atuação no atendimento a pacientes Covid, tais equipamentos irão permanecer no ICSC após a pandemia, aumentando consideravelmente a estrutura que já possuímos”.

A abertura da nova Unidade Coronariana faz parte da estratégia do Governo de Santa Catarina e da Secretaria de Estado da Saúde, por meio do Centro de Operações de Emergência em Saúde (Coes), em ampliar o número de leitos de UTI para o enfrentamento à Covid-19.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, destaca que 502 novos leitos de UTI em hospitais públicos e filantrópicos foram criados desde o início da pandemia do novo coronavírus – o que representa 60% a mais da capacidade hospitalar pré-existente no estado. Ele ainda reforça a atuação da SES no sentido de buscar novas habilitações de leitos junto ao Ministério da Saúde.

Sobre o ICSC

O Instituto de Cardiologia, inaugurado em 1963, conta com mais de 600 funcionários e corpo clínico com 100 médicos. A especialidade clínica, cirúrgica e ambulatorial é de cardiologia e vascular.

O Instituto de Cardiologia possui Emergência Externa, Unidades de internação, Centro Cirúrgico, Unidade de Terapia Intensiva (UTI), hemodinâmica, reabilitação cardíaca, medicina nuclear e Ambulatório Especializado.