Na pandemia, mais de 126 mil teleatendimentos foram feitos em Unidades de Saúde de Florianópolis

O Sistema Único de Saúde, o SUS da Capital, já realizou 126.285 mil teleatendimentos durante a pandemia

0
81

Com a chegada da pandemia a telemedicina se tornou uma grande alternativa em todo o país, e na Capital esse movimento já ocorre desde os primeiros dias do surgimento da doença. O Sistema Único de Saúde, o SUS da Capital, já realizou 126.285 mil teleatendimentos durante a pandemia.

Desde o dia 16 de março foram realizadas em Florianópolis 85,8 mil teleconsultas com médicos, 39,8 mil com enfermeiro e 685 com dentistas. Os atendimentos são para acompanhar pessoas com doenças crônicas, pré-natal, ou até mesmo observar alguma queixa dos pacientes. O serviço auxilia para que as pessoas não se exponham indo até o Centro de Saúde sem que haja necessidade, e continuem sendo acompanhados pelas equipes. É importante ressaltar que em situações de emergência a população pode e deve comparecer presencialmente em uma Unidade.

Outro serviço que auxilia a atenção primária à saúde em Florianópolis é que desde o dia 16 de março a cidade conta também com o Alô Saúde Floripa, uma central que atende 24h por dia, todos os dias da semana, pessoas com diversas necessidades. O Alô Saúde proporciona para a população a oportunidade de tirar dúvidas sobre testes de coronavírus, avisar caso estejam com suspeitas da doença, falar de uma dor de cabeça, ou outras doenças às equipes.

As ações auxiliam a não sobrecarregar do sistema de saúde e cumpre a acolhida proposta pelo SUS a nível municipal, além de proporcionar atendimento mais próximo entre a população e sua equipe de saúde de referência.