Carlinhos Brown faz show no encerramento da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis

O artista apresenta neste sábado (28) as canções de Paxuá e Paramim em: A floresta dos rios voadores, álbum recém-lançado para o público infantil.

0
71

Totalmente on-line e gratuita, 19ª edição do evento chega ao fim com apresentação em live streaming do novo projeto de música infantil do artista

O mestre e multi-instrumentista Carlinhos Brown é a atração de encerramento da 19ª Mostra de Cinema Infantil. O artista apresenta neste sábado (28) as canções de Paxuá e Paramim em: A floresta dos rios voadores, álbum recém-lançado para o público infantil. A
apresentação tem a participação da cantora e arte-educadora Mila Franco e será transmitida ao vivo às 16h30. Para assistir, basta acessar o site da Mostra.

O espetáculo se apropria da música para falar, de forma divertida e sensível, sobre a importância de cuidar do meio ambiente.  O projeto combina som, um cenário incrível e aprendizado. Conta com a presença de Paxuá e Paramim, personagens criados pelo músico há seis anos. Eles são indígenas que buscam salvar a natureza e enfatizar o significado indispensável da educação ambiental. As canções são como manifestos de esperança e evocam o poder da arte para sensibilizar as pessoas.

—  Me inspira muito a relação com meus filhos, pois cada um deles me ensina como posso cuidar melhor deles cuidando do mundo em que vivemos. A própria natureza nos pede essa urgência de pensar sobre preservação, sobre os modos como estamos usando as riquezas naturais que estão disponíveis para nós, mas que não são infinitas, por maior que seja o poder regenerativo. Esse cuidado com a natureza é a nossa grande emergência neste século — diz o músico.

Brown nasceu em Salvador e, além de músico, é arte-educador e tem atuação reconhecida como mobilizador social, formando crianças e jovens na arte da percussão.

— Para nós é uma alegria terminar a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis com o Carlinhos. Não só pela qualidade do artista, mas pelo que ele traz nesse show, criado especialmente para crianças: questões de respeito à natureza e aos povos originários. A Mostra sempre quer celebrar a diversidade cultural que existe no Brasil. A gente tem que agradecer, afinal o povo brasileiro é feito de todas essas raças e todas essas histórias — comemora Luiza Lins, diretora da Mostra.

Últimos dias da Mostra

A programação dos últimos dias da Mostra de Cinema Infantil terá, entre os destaques, a exibição de Mãtãnãg, A Encantada, filme baseado em um dos mitos tradicionais do povo Maxakali. Dirigido por Shawara Maxakali e Charles Bicalho, de Minas Gerais, a animação
lançada em 2019 conta a história de uma índia que segue o espírito de seu marido, vítima de uma picada de cobra, até a aldeia dos mortos. Falado em língua Maxakali e legendado, Mãtãnãg se baseia em uma história tradicional do povo Maxakali. As ilustrações para o filme foram realizadas em oficina na Aldeia Verde, no município de Ladainha, em Minas Gerais. O curta será exibido na sexta, dia 27/11, na Sessão Direitos Humanos. A classificação etária é 12 anos.

Ainda na sexta, o aclamado diretor irlandês Tomm Moore participa de uma conversa no Encontros do Cinema Infantil, agenda paralela da mostra em que o público tem a oportunidade de conhecer e conversar com realizadores e realizadoras atuantes na cena do audiovisual. Moore é atualmente um dos principais nomes da animação no mundo. Ele é
cofundador do Cartoon Saloon, estúdio sediado na Irlanda que assina Uma viagem ao mundo das Fábulas (The Secret of Kells) e A Canção do Oceano (Song of the Sea), obras aclamadas pela crítica e ambas nomeadas para o Oscar.

No sábado (28), às 10h, uma sessão para professores e adultos exibe o longa O outro lado do outro, dirigido pelos catarinenses Rita de Cácia Oenning da Silva e Kurt Shaw. No documentário, crianças das favelas do Recife fazem um filme sobre o que imaginam ser a vida para as “crianças de apartamento” da classe média, enquanto as crianças da classe média fazem um filme sobre como eles imaginam a vida na favela. Ao mostrá-los uns para os outros, finalmente se conhecerem e partilharem suas experiências sobre brincar e viver a cidade, essas crianças nos ensinam sobre segregação, curiosidade e condição humana. Após a sessão, um bate-papo.

Também no sábado, às 16h, será realizada uma sessão especial com os filmes mais votados pelo público e pelos jurados mirins. O encerramento será às 16h30, com show de Carlinhos Brown.

A 19ª edição da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis é realizado pela Secretaria Especial da Cultura – Ministério do Turismo. Tem o patrocínio cultural da Celesc – Centrais Elétricas de Santa Catarina, da Eletrobrás CGT Eletrosul, da Engie, do Itaú e da
Statkraft. Coordenação da Lume Produções Culturais e direção geral de Luiza Lins.

Programação completa no site https://www.mostradecinemainfantil.com.br/

Agende-se

19ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis
Quando: 21 a 28 de novembro
Onde: https://www.mostradecinemainfantil.com.br/
Quanto: gratuito