52ª Regata Volta à Ilha de Santa Catarina: condições extremas definem edição histórica

Rajadas de vento, mudanças constantes de condições, desistências e superação colocaram a 52ª Regata Volta à Ilha de Santa Catarina na história. JB3 Investimentos foi o campeão da regata

0
117

Previsões nem sempre são concretas. Neste sábado (12), nem mesmo os principais institutos meteorológicos poderiam acertar as alterações de tempo que colocariam à prova as 35 tripulações inscritas na 52ª Regata Volta à Ilha de Santa Catarina. Celebrando uma das maiores edições da principal regata de vela oceânica do estado, as condições em Florianópolis foram de um extremo ao outro em poucas horas tornando a disputa extremamente técnica e disputada. Comandados pelo experiente velejador André “Bochecha” Fonseca, a tripulação do JB3

No início de sábado, pontualmente às 10h, tudo ocorria conforme o planejado: vento nordeste de 12 nós e um lindo dia de sol na Baía Sul. As tripulações largaram com os balões içados em direção ao Sul da Ilha e desde o início o domínio foi das embarcações da classe C30. O vento nordeste seguiu apertando até o começo da tarde quando uma mudança brusca de temperatura e direção de ventos chegou. Nuvens se formaram e uma tempestade trouxe um vento sul ainda mais forte, obrigando as tripulações a mudarem toda estratégia.

A intensidade era tão forte que as primeiras quebras aconteceram nas horas seguintes com alguns barcos abandonando a disputa. Como se não bastassem todas as dificuldades, do meio para o fim do dia o vento caiu e a calmaria se fez presente. Já passava das 19h quando o primeiro C30 ganhou às águas da Baía Norte para cruzar a linha em primeiro lugar. Após 10h10min06seg, o JB3 Investimentos comemorou muito a vitória na classe e o posto de Fita Azul da regata.

Com participação em três edições de Volvo Ocean Race (atual The Ocean Race) e nas Olimpíadas de Atenas (04) e Pequim (08), André Fonseca falou sobre a vitória. “Foi uma velejada inesquecível. O vento sul entrou muito rápido e mudou tudo. Vai ser difícil ter outra regata com essas condições. Estamos muito contentes com a vitória, pois foi um dia inacreditável depois de tudo que aconteceu. Nenhuma meteorologia previa isso. A tripulação está de parabéns”.

Cinco minutos após a chegada do Fita Azul, outro C30 cruzou a linha nas proximidades da Ponte Hercílio Luz: o Katana Portobello. Completando o domínio da classe C30 na regata, vieram Zeus Team e Iron Lady, todos abaixo das 11h. Campeão da classe ORC, o Catuana Kim foi o quinto a completar a 52ª Regata Volta à Ilha, com 11h23min23seg, à frente do Santa Fé IV.

Ainda na noite de sábado, mais duas embarcações completaram o percurso. O Quival foi o sexto barco a concluir as 75 milhas náuticas, vencendo a categoria RGS Cruzeiro A com pouco mais de 12h37min de regata, enquanto o Mar e Sol ficou com o título da Bico de Proa A, terminando a regata em 12h41min.

Regata termina somente no domingo:

Assim como tem acontecido nos últimos anos, muitas embarcações completam a Regata Volta à llha somente no domingo e neste ano não foi diferente, ainda mais com todas as adversidades ao longo dos dias. Seis embarcações largaram na classe RGS A e apenas o Biruta conseguiu finalizar a competição chegando às 5h da manhã deste domingo, com 19h01min. O tempo deu a tripulação o título da classe RGS Geral, já que o Euphoria, campeão na RGS B, fechou a regata após às 8h da manhã deste domingo, em 22h12min.

Neste domingo, chegaram ainda o Terra Firme e o Maneco II, vice-campeão e terceiro colocado na classe Bico de Proa A, respectivamente. No total, onze embarcações tiveram que abandonar a Regata Volta à Ilha.

20ª Regata Volta à Ilha do Largo:

Paralelo à Regata Volta à Ilha de Santa Catarina, neste sábado ocorreu também a 20ª Regata Volta à Ilha do Largo e o cenário foi o mesmo para as tripulações. Onze embarcações iniciaram a regata, mas apenas uma conseguiu ter êxito e completar o percurso de 26 milhas náuticas. Velejando na classe Bico de Proa B, o Terral foi o concluinte solitário da etapa.

Lista dos vencedores da 52ª Regata Volta à Ilha de Santa Catarina

Fita Azul: JB3 Investimentos

C30: JB3 Investimentos

ORC: Catuana Kim

RGS Geral: Biruta

RGS A: Biruta

RGS B: Euphoria I

RGS Cruzeiro Geral: Quival

RGS Cruzeiro A: Quival

Bico de Proa A: Mar e Sol

Lista dos vencedores da 20ª Regata Volta à Ilha do Largo

Bico de Proa B: Terral

A 52ª Regata Volta à Ilha de Santa Catarina faz parte do PROJETO CALENDÁRIO NÁUTICO 2019/2020- Cidade de Florianópolis – ANO 4 – Nº SLIE: 1813953-12 – Processo nº 58000.005543/2018-31, e conta com os patrocínios das empresas ENGIE Energia, Nortox, Diprape, Casas D’Agua, Bry Tecnologia e ainda do patrocinador pessoa física Sr. Umberto Gobbato.