Câmara de Vereadores aprova projeto que reestrutura a Comcap

Projeto de lei 1838/2021 foi aprovado ao final do dia desta terça-feira (26) com 13 votos favoráveis e oito contrários; veja como votou cada vereador na matéria abaixo

0
416

A Câmara de Florianópolis está reunida deste às 9 horas da manhã desta terça-feira (26) para análise e votação dos projetos contantes no Pacotão do prefeito Gean Loureiro (DEM). Entre os projetos, o mais polêmico, que envolve os funcionários da Comcap que estão em greve devido à proposta, acaba de ser aprovado em primeira votação por volta das 17h30min desta terça. A votação dos demais projetos segue na Casa.

O projeto 1838/2021, de autoria do executivo, que reestrutura atribuições da Comcap (Autarquia de Melhoramentos da Capital) foi aprovado com votos favoráveis de 13 vereadores (ver lista ao final desta matéria) e teve votos contrários de oito vereadores. Dois vereadores não votaram, também veja os motivos ao final desta matéria. A matéria teve alterações com a aprovação de 33 emendas oferecidas pelos vereadores.

De acordo com o texto aprovado, entre outros detalhes, foram equiparados os benefícios dos trabalhadores da Comcap com os dos demais servidores públicos de Florianópolis. A proposta da prefeitura é que os valores pagos aos trabalhadores da Comcap se equiparem ao que é oferecido aos demais servidores municipais. O corte, segundo a prefeitura, traria uma economia de mais de R$ 20 milhões. 

A autarquia também teve divisão de suas atribuições, passando a limpeza urbana para Secretaria Municipal de Infraestrutura. Já a coleta do lixo ficará sob responsabilidade da nova secretaria de Meio Ambiente.

Agora o projeto de lei vai para sanção do prefeito Gean Loureiro (DEM). Quanto a greve dos funcionários da Comcap, tem prosseguimento, e vai depender do Sintrasem convocar assembleia geral para debater os próximos passos do movimento com os funcionários da empresa.

COMO VOTARAM OS VEREADORES:

Votaram contra o projeto:

Afrânio (PSOL), Coletiva (PSOL), Carla (PT), Marquito (PSOL), Maikon (PL), Gemada (Podemos), Bericó (PSL) e João Luiz (PSC).

Votaram a favor do projeto:

Erádio (Podemos), Katumi (PSD), Claudinei (Republicanos), Renato (PSDB), Jefferson (PSDB), Manu (Novo), Dalmo (DEM), Dacono (PSD), Gui Pereira (PSC), Cobalchini (DEM), Mamá (DEM), Adrianinho (Republicanos) e Priscila (Podemos)

Vereadora Maryanne Mattos (PL) não participou da votação por não estar se sentindo bem em função da Covid-19, ao qual ela está se tratando e o vereador Dinho (DEM) também não votou por manifestar-se impedido em função de ser funcionário da Comcap.

CLIQUE NO ARQUIVO A SEGUIR E VEJA NA ÍNTEGRA O PROJETO QUE ALTERA O FUTURO DA COMCAP: plc_n._1.838-2021

Após a aprovação do projeto de lei, dirigentes sindicais que acompanham trabalhadores da Comcap em manifestação em frente à Câmara, protestaram contra o resultado da votação com palavas de ordem. Veja no vídeo a seguir as manifestações: https://fb.watch/3ggq4WWN20/