Secretaria de Educação recebe 1.800 kits escolares de empresa palhocense

Os materiais serão destinados aos alunos da rede pública do 1º ao 5º ano de seis unidades de ensino do município

0
112

As aulas da rede pública de Palhoça começaram oficialmente no último dia 17 de fevereiro. E uma boa notícia fez parte do reinício do ano letivo: a doação de 1.800 kits escolares para os alunos da rede municipal de ensino pela empresa Leonora.

Situada no bairro Pedra Branca, a empresa já havia doado materiais escolares em outras oportunidades, sendo um parceira constante da Secretaria de Educação. Neste ano, os kits que continham lápis de cor, lápis grafite, borracha, cola, caneta hidrográfica, tesoura, lapiseira, apontador, massa de modelar e régua flexível foram destinados aos alunos do 1º ao 5º.

Ao todo foram beneficiadas com as doações seis unidades de ensino: Escola Básica Frei Damião, Escola Básica Professora Isabel Botelho de Paulo, Escola Básica Adriana Weingarter, Escola Básica Antonieta Silveira de Souza e Grupo Escola Terezinha Maria Espíndola Martins.

De acordo com a Secretária de Educação de Palhoça, Shirley Nobre Scharf, a doação dos kits além de contribuir para reduzir o impacto financeiro dos pais nesse início de ano, ainda tem uma grande importância social. “A doação dos materiais escolares permitirá que muitos pais e responsáveis não tenham mais esse gasto, o que é muito bom principalmente devido ao período em que estamos vivendo com as dificuldades trazidas pela pandemia do Covid 19. Além disso, nesse período de retorno, temos que proporcionar uma reintegração sócio emocional com os alunos antes de iniciarmos oficialmente com o processo de aprendizagem. Nossas crianças ficaram um ano longe da escola e, agora, precisamos dar um acolhimento diferenciado, receber os alunos com carinho. E esse mimo especial, com certeza, irá ajudar bastante nesse sentido” destaca Shirley.

É importante ressaltar que o reinício do ano letivo ocorreu dentro da normalidade e nenhum problema ou incidente aconteceu, comprovando que os protocolos de segurança adotadas pela gestão do município foram absolutamente eficazes. “Todas as medidas sanitárias e de biossegurança foram cumpridas e, por isso, os pais e responsáveis podem se sentir seguros para enviar seus filhos e filhas para a escola” finaliza a Secretária de Educação.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome