Caixa libera empréstimo de até R$ 1.000 no aplicativo Caixa Tem

O crédito ficará disponível para assalariados, autônomos, beneficiários de programas sociais e de políticas públicas de distribuição de renda

0
547

A Caixa Econômica Federal lançou nesta segunda-feira (27) uma nova linha de crédito que pode ser contratada direto do celular, por meio do Caixa Tem. O aplicativo, criado em 2020 para o pagamento do auxílio emergencial, agora oferece também empréstimos com valores entre R$ 300 e R$ 1.000, taxa de juros de 3,99% ao mês e pagamento em até 24 vezes.

O montante ficará disponível para assalariados, autônomos, beneficiários de programas sociais e de políticas públicas de distribuição de renda. Quem recebe o auxílio emergencial ou o Bolsa Família, no entanto, ficarão de fora: “Por quê? Porque elas não têm condições de pagar”, explicou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães durante o lançamento.

Guimarães, argumentou que a nova linha dá continuidade à transferência de renda promovida pelo auxílio. “Estas pessoas tomam crédito entre 15% e 20% ao mês. Pegam de agiota, pegam de fora do sistema financeiro”, disse ele, que testou positivo para covid-19 e não pôde participar pessoalmente do evento. “Esse crédito será o primeiro crédito bancário de dezenas de milhões de pessoas”.

Juros salgados

Os juros porém, são superiores aos praticadas por outras instituições financeiras. O relatório Estatísticas Monetárias e de Crédito, divulgado pelo Banco Central hoje, mostra que a taxa média do sistema bancário para o crédito pessoal geral é de 2,42% ao mês.

O presidente da Caixa justifica o percentual elevado com o dado de que pelo menos 38 milhões de invisíveis não têm nenhuma informação de crédito, “então não há como realizar uma análise matemática”. Ele garante, que, à medida em que a instituição seja capaz de formar histórico de pagamento dos usuários, poderá oferecer condições melhores.

Condições do Crédito

Vale destacar que, antes de pedir o crédito, o cliente deverá atualizar suas informações pessoais no Caixa Tem. Essa etapa é importante para a avaliação de crédito, pois os valores liberados para cada usuário são definido de acordo com o histórico financeiro pessoal ou do negócio.

Com o cadastro atualizado, é possível solicitar dois tipos de empréstimos: o Pessoal e o Produtivo. O primeiro tipo, como indica no nome, é voltado para o pagamento de despesas pessoais; já o segundo busca financiar o investimento em pequenos empreendimentos. Para ambos, a taxa de juros é de 3,99% ao mês, em 24 parcelas.

Antes de contratar, lembre-se de fazer as contas para ver se o valor das parcelas cabe no seu bolso, pois é importante manter o pagamento do empréstimo em dia para que sua vida financeira fique sempre organizada”, destaca um aviso no próprio aplicativo.

A Caixa pretende elevar os valores, à medida em que os tomadores forem pagando as parcelas. Além disso, não haverá limite de renda. Ou seja, basta que o cliente tenha o Caixa Tem.Quem ainda não tem poderá baixar o aplicativo a partir de 08 de novembro, também de forma escalonada por mês de aniversário.

O Caixa Tem permite efetuar pagamentos, fazer transferências, Pix, além de empréstimos e contratação de seguros, dentre outras operações.

Atualização do Caixa Tem

Para fazer o empréstimo é preciso atualizar dados no Aplicativo Caixa Tem. A atualização ainda não está disponível para todos os 106 milhões de usuários do Caixa Tem, mas será liberada gradativamente, de acordo com mês de aniversário.

  • Confira o calendário para quem já é cliente do Caixa Tem:

    • Nascidos em janeiro e fevereiro: a partir de 27 de setembro
    • Nascidos em março e abril: a partir de 18 de outubro
    • Nascidos em maio e junho: a partir de 8 de novembro
    • Nascidos em julho e agosto: a partir de 29 de novembro
    • Nascidos em setembro e outubro: a partir de 13 de dezembro
    • Nascidos em novembro e dezembro: a partir de 27 de dezembro

    Confira o calendário para quem ainda não é cliente do Caixa Tem:

    • Nascidos em janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho: a partir de 8 de novembro
    • Nascidos em julho e agosto: a partir de 29 de novembro
    • Nascidos em setembro e outubro: a partir de 13 de dezembro
    • Nascidos em novembro e dezembro: a partir de 27 de dezembro

SAIBA MAIS:

Os empréstimos serão liberados de forma escalonada, de acordo com o mês de aniversário dos usuários, de forma totalmente digital. Para nascidos em janeiro e fevereiro, o crédito já está disponível. Mas não será automático.

Os interessados vão ter que solicitar o crédito à Caixa, depois que atualizarem o aplicativo Caixa Tem.

Ao atualizar o aplicativo, a conta poupança social vai se transformar em conta digital, onde os valores serão creditados. Essa conta poderá ter custos, dependendo do número de operações a serem feitas pelos correntistas.

O cliente não paga tarifa mensal no Caixa Tem e tem direito aos seguintes serviços gratuitos: dois saques por mês, três transferências mensais para contas de outros bancos e dois extratos por mês, além de transferências ilimitadas para contas da Caixa. A partir destes limites as operações geram tarifas.

Os interessados poderão fazer o empréstimo para despesas pessoais (Crédito Caixa Tem Pessoal) ou para investimento (Crédito Caixa Tem para o seu Negócio). As condições de crédito são as mesmas nas duas linhas. A liberação do valor dependerá da análise cadastral do tomador.