Pesquisa revela o comportamento do consumidor na internet antes e após efetuar uma compra

Resultados obtidos apontam as principais dores e como o empreendedor pode impactar os clientes.

0
104

O que os consumidores falam na internet antes e após as compras é a pergunta central da nova Pesquisa de Comportamento nas Redes Sociais, do Observatório de Negócios do Sebrae/SC. O material é totalmente gratuito e apresenta uma análise rica sobre os perfis dos consumidores [1], auxiliando o empreendedor a melhorar a relação com o cliente e na
elaboração de estratégias de vendas mais assertivas.

Da pesquisa à análise do material, quatro etapas foram executadas resultando em uma amostra de 1.318 publicações, cujo 98% são representadas por usuários comuns. As mulheres são as que mais comentam sobre o assunto nas redes, compondo 47% do total, já os homens somam 37% e outros 16% estão sem identificação.

Um reflexo animador da pesquisa é a qualificação das publicações, onde 92,9% das mensagens são sobre experiências positivas e elogios, somente 5,5% apresentam situações consideradas negativas. O segmento de alimentos e bebidas é o que mais tem menções, com 26,2%, sendo grande parte do recorte sobre arrependimento da compra. No universo das dívidas, 61,8% dos usuários constatam estar endividados ou que pretendem ficar endividados. Os que anunciam que quitaram as dívidas ou que pretendem quitá-las são 28,6%.

A Pesquisa de Comportamento nas Redes Sociais traz ao empreendedor insights interessantes sobre os diferentes perfis dos clientes, identificando-os como: o gastador, que faz a compra com o intuito de satisfação pessoal; o controlado, que faz pesquisas antes de efetuar as compras; o arrependido, que gasta fora do orçamento e se arrepende
da aquisição; e o “sem dinheiro”, que mesmo sem orçamento, é movido pelo desejo de compra.

Essas informações auxiliam no desenvolvimento de estratégias que impactam positivamente o cliente. Por exemplo, no caso do consumidor “controlado”, o empreendedor pode apostar em campanhas de marketing estruturadas e ações que envolvam benefícios para o cliente, como descontos, brindes, frete grátis, entre outros. Essas análises e
outras análises estão expostas no desenvolver do material.

Leia na íntegra a Pesquisa de Comportamento nas Redes Sociais [1] no Portal do Sebrae/SC ou assista ao vídeo com o resumo explicativo.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome