Ômicron: CDL de Florianópolis orienta empresários sobre a nova variante

Vacinação e prevenção são medidas essenciais para minimizar o avanço da doença

0
74

A Ômicron tem se espalhado de forma rápida. Estudos científicos apontam que a variante é mais transmissível e menos letal. No Brasil, ainda não chegamos no auge da infecção, mas a expectativa é que ocorra nos próximos meses, visto que o recuo da Ômicron dura em média 6 a 8 semanas. Sabendo disso, a CDL de Florianópolis orienta os empresários a reforçarem os protocolos de segurança nos estabelecimentos.

Uso de máscara, álcool em gel e distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas são indispensáveis para manter o ambiente mais seguro. Florianópolis é referência no combate a Covid-19 e tem reforçado a disponibilidade de recursos e estruturas necessárias para atender os cidadãos.

De acordo com o presidente da CDL de Florianópolis, Marcos Brinhosa, é essencial que os cuidados sejam redobrados visto que a transmissibilidade é muito maior.

A vacina reduz os sintomas e os cuidados previnem a infecção. O município de Florianópolis possui alto índice de vacinação e testagem, com isso acompanhamos muitas pessoas positivas para Covid-19, porém com sintomas mais leves, sem necessidade de internação”, comenta o presidente.

Ainda segundo Brinhosa, os empresários precisam ficar atentos aos serviços gratuitos que a prefeitura dispõe para orientar os colaboradores e não colocar em risco o quadro funcional da empresa.

Um dos serviços prestados é a testagem para assintomáticos, em que a pessoa que sem intenção infecta outras por não ter sintomas. Se o funcionário teve contato com alguém que testou positivo, orienta a fazer a testagem. É melhor ter um colaborador afastado, do que correr o risco de ter o time todo infectado”, explica.

Testagem para assintomáticos

A prefeitura de Florianópolis disponibiliza caminhão/ônibus em pontos estratégicos da Cidade para realização de testes para população assintomática. Os pontos são itinerantes e a divulgação ocorre diariamente pela prefeitura.

Alô Saúde

Pessoas com sintomas de Covid-19 devem ser encaminhadas pelo Alô Saúde Floripa ou equipes de Saúde para testagem. Isto porque, somente estas equipes podem indicar qual o melhor momento para testagem e conduta ao paciente. O momento errado da coleta do teste pode gerar um falso negativo. Contato para o Alô Saúde: 0800 333 3233.

Orientação sobre o isolamento

Cinco dias: se ao 5º dia o paciente não tiver sintomas respiratórios e febre por um período de 24 horas, sem uso de antitérmico, ele pode fazer o teste (antígeno ou PCR). Se for negativo, ele pode sair do isolamento. Caso o paciente assintomático apresente teste positivo no 5º dia, deverá manter o isolamento até o 10º dia.

Sete dias: Se ao 7º dia o paciente estiver assintomático, ele está liberado do isolamento, sem necessidade de fazer o teste. Se o paciente continuar com sintomas respiratórios ou febre, ele pode fazer o teste (PCR ou antígeno). Caso dê negativo, pode sair do isolamento. Se der positivo, deve ficar resguardado até 10 dias e só sair quando não tiver mais sintomas.

Após 10 dias, se estiver sem sintomas respiratórios, não é necessário fazer o teste e o paciente pode sair do isolamento.

O Ministério da Saúde reforça que todos os pacientes devem manter as recomendações até o 10º dia, como evitar aglomerações, evitar contato com pessoas com comorbidades, continuar usando máscara e outras medidas não farmacológicas.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome